Books

Que Sinos Dobram Por Aqueles Que Morrem Como Gado?

Que Sinos Dobram Por Aqueles Que Morrem Como Gado None

  • Title: Que Sinos Dobram Por Aqueles Que Morrem Como Gado?
  • Author: Rui Nunes
  • ISBN: 9727082750
  • Page: 107
  • Format: None
  • None

    • ↠ Que Sinos Dobram Por Aqueles Que Morrem Como Gado? || ✓ PDF Read by ☆ Rui Nunes
      107 Rui Nunes
    • thumbnail Title: ↠ Que Sinos Dobram Por Aqueles Que Morrem Como Gado? || ✓ PDF Read by ☆ Rui Nunes
      Posted by:Rui Nunes
      Published :2019-09-10T20:32:41+00:00

    About "Rui Nunes"

    1. Rui Nunes

      Escritor portugu s e professor de Filosofia, Rui Nunes nascido em Novembro de 1947 Licenciou se em Filosofia pela Universidade de Lisboa e enveredou pela actividade de escritor em paralelo com a de professor de Filosofia, na Escola Secund ria Rainha D Am lia, em Lisboa Na d cada de 60, passou pelos jornais, tendo visto censurados muitos dos trabalhos Com muitas dificuldades, publicou o seu primeiro livro As Margens em 1968, tendo que suportar as despesas da edi o Contudo, a sua actividade liter ria s assume continuidade a partir de 1976, quando, depois de ter regressado da Austr lia, em 1974, publica Sauromaquia Imprimindo sua escrita um discurso de caracter sticas pr prias, Rui Nunes n o nega a influ ncia de escritores que a vida lhe foi permitindo conhecer, nomeadamente Kafka Temas como a dor, a doen a e a morte s o recorrentes nos seus livros Por m, e apesar desta tem tica recorrente que fl i na sua obra, o autor assume o acto de escrita como uma forma de sublimar a dor e com preciosos e comprovados por ele poderes terap uticos Por isso, gosta e tem prazer em escrever Leitor da obra de Agustina Bessa Lu s, Maria Velho da Costa, Maria Gabriela Llansol e de Jos Saramago, entre outros Rui Nunes aprecia tamb m outros g neros art sticos, nomeadamente o cinema Bergman e a m sica Barroca e Jazz , admitindo que estes podem suscitar lhe o gosto pela escrita Premiado, em 1992, com o Pr mio do Pen Club Portugu s de Fic o, atribu do ao seu livro Osculatriz, os seus novos t tulos foram sempre, saudavelmente, apreciados pela cr tica liter ria Considerado por Manuel Frias, membro do J ri que atribuiu ao seu livro Grito, em 1998, o Pr mio GPRN Grande Pr mio de Romance e Novela da Associa o Portuguesa de Escritores APE , uma das estrelas mais brilhantes da constela o liter ria portuguesa ocultada, tantas vezes pelas nuvens do f cil e do bvio , Rui Nunes entende que o sucesso de um livro n o se prende com a quantidade das vendas, mas sim com o espa o de cumplicidade entre autor e leitor que capaz de criar.

    248 Comments

    1. “quanto menos vejo, mais se expande a minúcia do mundo. As cores provocam-me, e o que tento olhar, através dos flocos translúcidos desta penumbra tão cheia de luz, é o segredo da cor e das fronteiras. O esforço que faço é também parte desta visão, deforma ainda mais o mundo. Há momentos, ao entardecer, em que fico muito quieto, sem pestanejar, e vejo os flocos depositarem-se, cedendo ao peso, quase impossível. A paisagem torna-se exacta, alucinante dessa claridade que só vai durar [...]


    Leave a Comment